IESB promove 7ª Semana Acadêmica de Enfermagem

Em homenagem ao Dia do Enfermeiro, 12 de maio, o Centro Universitário IESB promove a 7ª Semana Acadêmica de Enfermagem, com a participação do corpo docente, estudantes, egressos e convidados, que discutirão sobre os desafios e a rotina de trabalho desses profissionais no contexto da crise causada pela Covid-19. O evento será gratuito e aberto ao público, transmitido ao vivo nos dias 13 e 14 de maio, no canal do YouTube da instituição.

“A pandemia a qual estamos vivenciando deixa muito evidente a importância do trabalho dos enfermeiros para todos nós. Portanto, esta semana acadêmica procura, acima de tudo, mostrar a valorização desta profissão, exaltando ações do cotidiano, como lidar com a saúde mental, oferecer um ambiente de trabalho adequado, entre outros temas importantes que serão debatidos por especialistas da área”, afirma o professor Alexandre Jorge, coordenador do curso de Enfermagem do Centro Universitário IESB.

Há mais de um ano atuando na linha de frente contra a Covid-19, os profissionais da área da saúde estão esgotados. De acordo com pesquisa realizada pela Fiocruz em todo o território nacional, a pandemia alterou de modo significativo a vida de 95% desses trabalhadores. Os dados revelam que quase 50% admitiram excesso de trabalho ao longo desta crise sanitária mundial, com jornadas para além das 40 horas semanais. Em São Paulo, estudo realizado pelo Conselho Regional de Enfermagem (Coren-SP), divulgada em setembro de 2020, também apontou que 87% dos enfermeiros do estado apresentavam sintomas de Burnout, síndrome causada por sinais de exaustão extrema. Além disso, entre as pessoas ouvidas, 93,3% têm medo de levar o novo coronavírus para seus familiares e quase 60% dos profissionais de enfermagem residem com pessoas do grupo de risco.

Desafios também no DF

“Sou enfermeira há oito meses e meu principal desafio é atender com qualidade, em um período que faltam acomodações de leitos. Nossas estratégias têm sido uma avaliação clínica fidedigna para podermos classificar o risco real desses pacientes, dando prioridade aos que mais necessitam de cuidados e internação”, afirma Jenne Carvalho, atual enfermeira do Hospital São Francisco, localizado em Ceilândia.

Segundo ela, se o medo no início era comum, hoje a vacina traz esperança. “A nossa saúde mental já esteve pior, mas sabemos que precisamos estar bem para ofertarmos uma assistência de qualidade. Nesses últimos meses, temos trabalhado dobrado por conta do alto número de pacientes instáveis e com complexidade, o que nos demanda cuidados intensivos”, revela. Egressa do curso de Enfermagem do IESB, Jenne é a convidada da primeira live, que será realizada no dia 13 de maio, às 10h, com o tema “Desafios, enfrentamentos e estratégias vividas pela enfermagem durante a pandemia”.

Programação completa

No dia 13/5, às 19h, a segunda live será sobre “O trabalho do enfermeiro nas Forças Armadas: relato de experiência”. Sob mediação da professora Erlayne Brandão, o tenente enfermeiro do Exército Brasileiro, Rafael Marques, será o responsável por contar a sua experiência no cenário da pandemia.
Já no dia 14/5, às 10h, o debate será sobre “Enfermagem e a rotina de manuseio de cadáveres com Covid-19”. Com a participação dos professores do IESB Ana Aparecida Marra, como mediadora, e Alexandre Soares, palestrante, a live mostrará o ponto de vista do profissional patologista atuante no Instituto Médico Legal do DF (IML-DF), dentro do cenário de pandemia, abordando assuntos como o manuseio de cadáveres e a contaminação dos próprios trabalhadores no local de trabalho.

Para finalizar, no dia 14/5, às 19h, a última live será realizada sob mediação do professor do IESB Édis Rodrigues e terá como tema a “Atuação do Coren-DF frente às situações precárias vividas pelos profissionais de Enfermagem durante o colapso do setor de saúde em 2021”. Com a participação do professor Alberto César da Silva, enfermeiro e conselheiro do Conselho Regional de Enfermagem do Distrito Federal, o bate-papo apresentará um relato de como tem sido a situação dos ambientes de trabalho de enfermeiros.

Serviço

7ª Semana Acadêmica de Enfermagem do IESB

13/05/2021 - 10h
Os desafios, enfrentamentos e estratégias vividas pela enfermagem durante a pandemia

13/05/2021 - 19h
O trabalho do Enfermeiro nas Forças Armadas: relato de experiência

14/05/2021 - 10h
Enfermagem e a rotina de manuseio de cadáveres com COVID-19

14/05/2021 - 19h
Atuação do Coren-DF frente às situações precárias vividas pelos profissionais de Enfermagem durante o colapso do setor saúde em 2021



Compartilhe: